shutterstock_316493429.jpg

Logística Reversa

Ewerton Santos
By Ewerton Santos - Novembro 30, 2020

Desde que foi aprovada a Política Nacional de Resíduos Sólidos, as empresas brasileiras não têm outra opção a não ser lidar com seu lixo. E a logística reversa é o caminho para solucionar esse problema.

A implementação da logística reversa pode reduzir custos e atender melhor seus consumidores, tornando-se um importante diferencial competitivo.

É também considerada um conjunto de ações, procedimentos e meios destinados a viabilizar a coleta e a restituição dos resíduos sólidos ao setor empresarial, para reaproveitamento, em seu ciclo ou em outros ciclos produtivos, ou outra destinação final ambientalmente adequada.

Ou seja, a logística reversa é uma área da logística empresarial que atua de forma a gerenciar e operacionalizar o retorno de bens e materiais, após sua venda e consumo, às suas origens, agregando valor aos mesmos.

logistica reversa-1

 

A sustentabilidade é comum em grandes empresas, a gestão sustentável nada mais é que atender às necessidades econômicas atuais sem prejudicar o atendimento das necessidades futuras.

Isso faz com que os consumidores deem preferência a produtos de empresas que demonstram preocupação com a preservação ecológica, sendo esse um fator considerado como diferencial competitivo.

A prática da logística reversa é sustentável, ou seja, há um processo de reaproveitar produtos descartados, diminuindo os impactos ambientais e ainda muitas vezes reduzindo os custos econômicos com o reaproveitamento.

O reaproveitamento de materiais é um dos processos que fazem parte da dinâmica da logística reversa, dessa forma há possibilidade de agregar valor aos materiais retornáveis no processo inverso. Nesse processo, os materiais e embalagens que as empresas produzem saem das indústrias, passam pelo processo logístico e chegam ao consumidor final. 

Após o consumo final é feito o descarte, a logística reversa entra nesse processo, onde é coletado o material descartado e feito o retorno para a empresa que irá descartar de forma adequada o produto ou reutilizá-lo de alguma forma em seu processo produtivo.

A Endeavor Brasil cita em seu site o exemplo da Renault, a empresa fabrica peças de reposição reaproveitando peças usadas. Com essa estratégia de logística reversa, ganha em preços melhores para o consumidor, diminui o consumo de água, energia e emissões de gases de efeito estufa em seu processo fabril.

bg-img14.jpg

Fique por dentro!

Inscreva-se em nosso blog e fique por dentro das nossas dicas.

Deixe seu comentário